quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Professor há 25 anos...

Eu tinha pensado num outro título: "25 anos de Magistério..", mas me soou tão antigo..rsrsr..

Eu tinha então 20 anos, segundo ano no curso de Letras-Inglês, curso escolhido porque seria uma maneira de aperfeiçoar meu inglês e meu gosto por literatura..não consegui nem uma coisa nem outra! Mas fui convidado a lecionar Inglês no antigo (!) Centro Educacional...agradeço ao Prof Zé Roberto pelo convite, pela confiança... À época eu já era um contabilista e exercia esta função no Escritório Mercúrio (não usarei a expressão "antigo" mas talvez é justamente onde é mais necessário..rsrsr)... tinha um bom salário, então lecionar era mais como um hobby, tanto que eu não me importava muito com o fato de todo ano ter q esperar 6 meses pra receber... Além de Inglês, dei aulas de Ensino Religioso, onde ousei tocar violão, e Contabilidade. Em várias escolas, inclusive privadas. Terminei a graduação, fiz um concurso no Estado...e passei. Era então hora de optar. Pedi demissão e meu primeiro concurso foi na EE Pe Anchieta, sob a mão terna e férrea da Du Sampaio. O concurso era de Língua Portuguesa e foi nesta escola onde pude desenvolver projetos incríveis e ensinar de verdade, sem inclusive necessitar de provas pra verificação de aprendizagem dos alunos. Mas a Língua Inglesa novamente entrou no meu caminho..e desta vez pra ficar. Fui convidado a trabalhar na rede CDI, meu maior desafio até então. Aceitei mas negociei um curso de aperfeiçoamento na Inglaterra, pois honestamente não me sentia totalmente preparado para tal jornada. Fui para Bournemouth e tive então uma experiência que mudaria toda a minha carreira magisterial (!!).

 De volta ao Brasil, fui convidado para lecionar na UEMS, no curso de Letras. Praticamente não cabia nos meus horários mas me sacrifiquei. Não dei lugar ao medo, especialmente sabendo que havia alunos na sala que já eram professores renomados na cidade. Dei o melhor de mim e tive o retorno esperado: o reconhecimento. Aberto o Edital para o primeiro concurso na UEMS. Era a minha chance. Estudei como um louco. Uma semana antes da prova, fui para Dourados, me tranquei num apartamento de uma amiga, e estudamos sem pausa até para comer. Fui aprovado. Era hora de voltar a estudar, após 10 anos somente trabalhando. Fui fazer minha especialização em Dourados, uma outra em Oxford (Inglaterra) e finalmente meu Mestrado na UEL, que quase me custou a vida. Mas valeu a pena, se era isto que eu iria fazer o resto de minha vida, ensinar, o melhor a fazer era me especializar. Agora eu lecionava também Literatura Inglesa, que atingiu em cheio o meu coração e me aproximou de um sonho antigo: o teatro. Quero honrar vários mestres que tive pelo caminho, especialmente Sálua Ferro (minha primeira professora de Inglês, na antiga (!!!) quinta-série. Antonio Garrio, meu professor de Latim na graduação, Marcelo Baccarin, meu teacher, no CDI em Londrina, Nigel, my crazy teacher em Bournemouth , Edgar Nolasco, na minha especialização e Cleide RApucci (UNESP-Assis) e Alexandre (UEM), de ambus fui aluno especial no doutorado...
Sou grato aos pais de várias crianças e adolescentes que foram meus alunos de Inglês tanto no CDI, quanto no projeto na UEMS...foi um incentivo muito grande...valeu Luiza Nakamura!!!!...
Sou grato ainda a inúmeros alunos, bons e maus, que ora me inspiraram, ora me faziam repensar se era aquilo mesmo que eu queria...
Vários de meus alunos se tornaram professores, mas longe de mim pensar que fui influência para isto...
Vários de meus alunos se tornaram afilhados de casamento... Aliás, cheguei a realizar o casamento de um deles: Evandro Trachta!!
Vários de meus alunos se tornaram amigos na jornada: Olívia Papa, Veruska Galvão, Eli Klein, Marcus Marcussi, Mara Pacheco, Alex Pires, Alex Rodighero, Alessandra Pimenta, Rosana Faustino, Fábio Araújo, Fábio Zanata...
Hoje trabalho exclusivamente com disciplinas relacionadas a Teatro, meu mais novo desafio...e acho isto muito bom porque novas disciplinas nos impões novos hábitos, novas leituras... É um momento novo, mas novamente espero que desta experiência resultem novos amigos!!

Estando na carreira há 25 anos, volta e meia começo a pensar numa aposentadoria... Mas sei que terei que ralar muito, então peço a Deus saúde, sabedoria....e paciência!!....e claro, quem sabe um dia, um salário digno!!

8 comentários:

  1. Querido amigo Fernandes.Vc é um vencedor, um exemplo de vida, merecedor de todas as conquistas.
    Te admiro muito, irmão,pai e amigo.
    E que esse profissão tão linda, possa ser reconhecida em todos os aspectos.
    Saudedes.
    bj...e até mais!!!
    Sua mana....Marcela Frutuoso Garcia

    ResponderExcluir
  2. "Vários de meus alunos se tornaram professores, mas longe de mim pensar que fui influência para isto"
    ...Bom, começo aqui a dizer que sem a sua influencia, dedicação e amor ao que faz, professor Fernandes, talvez hoje eu nao seria uma professora de inglês...
    Eu adorava suas aulas e me inspirei no senhor para construir o meu futuro! Quem sabe um dia eu volte para a Literatura, que é uma das minhas paixões também...
    Mas eu sou e estou muito feliz com a escolha que fiz, seguindo os seus passos...
    Obrigada por cada Quinta-feira dedicada a nossa turma (I turma de Letras/Inglês UEMS-Dourados)!
    Obrigada por cada sorriso e palavra de incentivo, pela sua paciência e sabedoria... o meu MUITO OBRIGADA por abrir meus olhos para o mundo da Língua Inglesa!
    Débora Leite

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Débora...ou melhor, Miss Milk! Obrigado por me trazer à lembrança período tão importante na minha vida... Período de intenso sacrifício indo e vindo a Ddos todas as quintas-feiras, durante dois anos!!!...saber lidar com a rejeição de alguns e o apoio de outros, como vc, Nazir e nosso querido Sílvio (in memorian).. obrigado pelas palavras...
      Go ahead!
      Proud of you!!!

      Excluir
    2. É verdade... foram 2 anos de luta... apoio e rejeição sim... mas acho que tudo na vida nos ensina algo... como eu disse: o senhor me ajudou muito!! obrigada até mesmo pelo apelido que tenho até hoje... longos 10 anos, hunn? hahaha... muito sucesso e alegrias pra voce.. abraços!!

      Excluir
  3. Aiaiai...Fernandes, o que dizer depois de ler tudo isso, me emocionar, como estou agora e lembrar de fatos tão importantes da minha vida! Se a docência hj é um "hobby"em minha vida, se faço isso por prazer, com certeza é pq tive a sua influência direta "Oh Capitain, my Capitain", com quem aprendi de fato a aproveitar os momentos da minha vida - "Carpe diem". Lembra-se disso?? rss...pois é, pra mim, foram inesquecíveis as aulas de literatura, quando entendi, de fato, o que era interpretar um texto...já as de inglês... sou suspeitíssima pra falar, pois amo a língua inglesa por causa do amor que vc transmitia isso pra gente, não é mesmo Eli Klein? Bem, poderia ficar horas falando dessas memórias, mas acho que não tenho espaço suficiente pra isso! Muito obrigada por ser um dos grandes líderes da minha vida...e pensar que ainda ganhei de presente a sua amizade!!! God bless u!!!

    ResponderExcluir
  4. Veruska... por estas e outras razões creio q nasci pra isto!! Grato pela companhia nesta jornada!!! A vc, eternamente, minha admiração e respeito!!!...Ah, provavelmtne vc fará parte de muitos outros posts aqui..rsrsr..

    ResponderExcluir
  5. Agradeço pela oportunidade de poder acompanhar e fazer parte de algumas dessas conquistas e pela amizade que partilhamos durante vários anos. Conforme leio seu artigo posso ir identificando onde eu, Veruska e outros vamos aparecendo. Isso é muito gratificante. Posso dizer que os meus gostos, pela música, pelo inglês, pelos musicais e outros foram muitíssimo influenciados pela sua pessoa. E pelas viagens... o que dizer? O gosto por ensinar também. Você me deu a oportunidade, a responsabilidade e o conhecimento, para lecionar inglês. Lembra disso?
    Fernandes, te admiro muito como profissional, como pessoa, pela linda família que tens e ainda mais pela maravilhosa forma que lida com tudo isso.
    Que venham novos desafios e novas conquistas. Você é um merecedor. Que venham longos anos de uma eterna amizade.
    Do amigo.
    Eli Klein

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Eli..vc é a prova de que é verdade o antigo provérbio: "O bom discípulo supera o Mestre!".!

      Excluir